[RECC] O Haiti é na Maré!

Por Oposição Classista Combativa e Independente – Rural afiliada à RECC-FOB

O final de semana após o carnaval 2015 foi violento e sangrento no Complexo de Favelas da Maré. Ocupada pelo Exército, Força Nacional, e pela Polícia Militar por cerca de um ano, a tão sonhada paz para os moradores não chegou. Pelo contrário, a presença das forças de repressão junto ao tráfico de drogas e milícias aumentaram os índices de violência na região. O assassinato de mais um jovem negro da comunidade, assim como os demais ataques com tiros a moradores, como o fuzilamento de uma Kombi com 5 jovens, por parte do aparato repressor do Estado inflamou o sentimento de revolta da população. mareocupacaomilitarPor meio de redes sociais, os moradores da Maré convocaram uma manifestação pela paz na comunidade, contra a criminalização da pobreza e pelo fim da “ocupação” militar na favela. Cerca de 300 manifestantes se reuniram para o ato na noite de segunda-feira, 23 de fevereiro, a fim de protestar contra a constante violência presente na comunidade tanto pelos militares quanto pelos traficantes. Os manifestantes foram totalmente reprimidos pelas forças da “pacificação” por meio de balas de borracha, bombas de gás lacrimogêneo e tiros de pistolas e fuzis da polícia e do exército!

mareviveA resistência dos moradores a fim de exercerem um direito que lhes seria garantido pela Constituição é demonstrada quando os mesmos bloquearam vias de suma importância para a Região Metropolitana do Rio de Janeiro, como a Avenida Brasil, a Linha Amarela e a Linha Vermelha. Conseguiram expulsar a tropa de choque que tentou invadir a favela. Sob tiros de fuzis, canhões e barricadas feitas pelo Exército como se estivessem em uma verdadeira guerra, a população foi violentamente agredida pelas forças do aparato repressor e resistiu como foi possível.

Mostramos mais uma vez o atrelamento dos governos federal (PT) e estadual (PMDB) a fim de reprimir, com seus soldados treinados em terreno similar ao da Maré que é a “missão de paz no Haiti”, os trabalhadores e a juventude negra e pobre da periferia. Vimos que o modelo de pacificação pretendida por esses governos têm claro objetivo de isolar a favela para que ela não ocupe o asfalto, a fim de resguardar os grandes eventos sediados no Rio de Janeiro, como foi a Copa do Mundo da FIFA e os Jogos Olímpicos, no próximo ano. Ainda mais numa favela que se encontra entre todos os principais eixos rodoviários e ferroviários do Rio de Janeiro. Não por acaso o Brasil comanda as tropas de ocupação da ONU no Haiti, reprimindo o movimento popular em Porto Príncipe, capital do pais.

mareresistenciaAlém das trocas de tiros diárias, a população sofre também com a falta de água, péssimas condições sanitárias e de moradia, o encarecimento da conta de luz, os aumentos das passagens dos transportes “públicos” e dos impostos, além do alto custo de vida pressionado por esses megaeventos. É para conter a justa revolta popular que o governo impõe a fracassada política de pacificação através das Unidades de Polícia Pacificadora (UPP).

mareocupacaomilitar1A criminalização do justo e legítimo protesto dos moradores do Complexo da Maré associando-o ao tráfico de drogas da região é uma conhecida forma de deslegitimar orquestrada pela grande mídia (como a Rede Globo) e o governo. A luta por direitos, pelo fim da violência e das “ocupações” militares pela população mareense é legítima e necessária. A organização dos trabalhadores e da juventude é essencial para a autodefesa e o combate aos abusos cometido pelos agentes da repressão do Estado fascista e militarizado. A Rede Estudantil Classista e Combativa (RECC) filiada ao Fórum de Oposições pela Base (FOB) se solidariza à luta da população da Maré e conclama aos trabalhadores e estudantes a se organizarem através de Comitês de Autodefesa e Comitês de Cultura e Luta, com objetivo de se articularem e mobilizarem contra a violência que lhes é imposta.

Video do Jornal A Nova Democracia

https://www.youtube.com/watch?v=dw4PpP5hhAQ#t=15


MARÉ RESISTE!
PELO FIM DA POLÍCIA! FIM DA UPP!
FORA EXÉRCITO E FORÇA NACIONAL!

FORA TROPAS DO HAITI!
IR AO COMBATE SEM TEMER! OUSAR LUTAR, OUSAR VENCER!

Fotos: Frente Independente Popular – RJ

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s