[RECC-DF] Boicotar o Congresso da UNE! Fora governismo do Movimento Estudantil!

Por Oposição CCI – Combativa, Classista e Independente ao DCE da UnB (filiada à RECC-FOB)

 A UNE está prestes a realizar seu 54º Congresso. Será mais um Congresso de fachada, com cartas marcadas do início ao fim. A UJS (juventude do PCdoB) sairá novamente com a presidência e todos cargos majoritários. Tem sido assim por cerca de duas décadas, ininterruptamente. Fraudam eleições nas universidades, fraudam atas, tratam estudante como boiada para votar em suas propostas, sabotam os grupos diferentes, fazem do Congresso palanque de parlamentares e do governo e por aí vai.Os Congressos da UNE são dependentes financeiramente do Estado, seja via verbas parlamentares, ministeriais ou de empresas públicas. Desafiamos a UNE a manter sua estrutura e realizar um único Congresso que seja sem verba dos cofres públicos! A UNE é sustentada por fora, e não pelos estudantes! Tal dependência e burocratização tem seu preço, e não se expressa apenas nos Congressos – que são, quase sempre, despolitizados e festivos. É o preço do aparelhamento político!

No dia-a-dia da entidade, sua política é refém das do governo, chegando a realizar campanha para o PT nas eleições de Estado. Não vemos a UNE realizando uma manifestação que possa mexer na imagem do governo petista. Ao contrário, é sempre solícita a defendê-lo, e junto defende seus pacotes de maldades e políticas neoliberais para o ensino! A UNE NÃO LUTARÁ: contra os cortes na educação e contra o ajuste fiscal, por exemplo!O desserviço da UNE é tamanho para os estudantes, que os próprios grupos que se dizem “oposição” a direção majoritária não conseguem tocar por dentro da UNE lutas que vá de encontro à política governista, tendo eles mesmo que realizá-las em paralelas. Ainda assim, estes grupos insistem em legitimar a entidade, num sonho longínquo de – um dia, quem sabe – ganhar a direção da entidade. Trocar a “direção”, resolve o problema? Acreditamos que não!

Enquanto isso, milhares de estudantes e centenas de coletivos independentes estão espalhados pelo Brasil sem uma capacidade de coesão e unidade. É preciso romper este localismo e avançar na construção de um movimento nacional de oposições e coletivos estudantis de base, organizado por local de estudo: de baixo para cima! Para isso, devemos iniciar o trabalho na reconstrução e união dos Centros Acadêmicos e no fortalecimento da democracia do movimento nas universidades (via assembleias de base) e na combatividade das lutas!

A UNE não presta para a luta dos estudantes. Perdeu toda sua independência política e financeira, se vendendo ao governos e empresas: atua de cima para baixo! Por isso, não legitime esta entidade falida. Na sua universidade, NÃO vote no Congresso da UNE! Politize o boicote! Politize a luta contra o governismo no movimento estudantil! Derrotar a UNE na base!

Reconstruir um movimento nacional de oposições!
Construir a greve geral contra os cortes do governo Dilma (PT-PMDB)!

***

Para acessar mais materiais sobre a política da UNE, leia:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s